Postado em 25 de Junho de 2014 às 13h13

Camex reduz tarifa de importação de 250 produtos

SCL Consultoria e Negócios Internacionais Novo Conteúdo 01 Os setores mais beneficiados, em relação aos investimentos globais, são os de petróleo, mineração, bens de capital, de autopeças e...

Os setores mais beneficiados, em relação aos investimentos globais, são os de petróleo, mineração, bens de capital, de autopeças e automotivo.

Brasília - A redução do imposto de importação fixada nesta terça-feira, 24, pela Câmara de Comércio Exterior (Camex) para bens de capital e de informática abrange 250 produtos, todos na condição de ex-tarifários, regime usado pelo governo para baratear o custo dos investimentos das empresas por meio da redução temporária da tarifa de importação de máquinas e equipamentos sem produção nacional.

A medida, publicada em duas resoluções, reduz de 16% para 2% a alíquota do Imposto de Importação de dez bens de informática e telecomunicação, dos quais dois novos ex-tarifários e oito renovações, e de 14% para 2% de 240 bens de capital - 96 novos e 144 renovações.

A nova alíquota vale até 31 de dezembro de 2015.

Segundo o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), com base em informações das empresas que solicitaram o benefício, os investimentos globais vinculados aos ex-tarifários publicados nesta terça chegam a US$ 946 milhões e os investimentos em importações serão de US$ 568 milhões.

Os setores mais beneficiados, em relação aos investimentos globais, são os de petróleo (31,77%), mineração (15,21%), bens de capital (14,97%), de autopeças (6,27%) e automotivo (4,87%).

Em relação às origens das importações, os produtos com redução de alíquotas virão, principalmente, dos Estados Unidos (24,26%), do Japão (10,59%), da Alemanha (7,90%), da China (7,83%) e da Suécia (5,71%).

O MDIC informa ainda que, com as duas novas resoluções da Camex, já foram aprovados este ano como ex-tarifários 1.523 produtos.

fonte:http://exame.abril.com.br/economia/noticias/camex-reduz-tarifa-de-importacao-de-250-produtos

Veja também

EUA se tornam principal destino de manufaturados, diz MDIC06/01/15 Brasília - O secretário de Comércio Exterior do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), Daniel Godinho, afirmou na tarde desta segunda-feira, 5, que os Estados Unidos se tornaram, no ano passado, o principal destino para os produtos manufaturados brasileiros, com avanço de 9,8% nas vendas. Com esse desempenho, os norte-americanos......
Apex-Brasil promove Fórum LATAM for Business e Rodadas de negócios25/11/15 A Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimento (Apex-Brasil) promove o 1º Fórum LATAM for Business - Encontro Internacional de Negócios e Investimentos na América Latina. O......
Receita conta com moderno scanner para verificar cargas17/07/14 Os procedimentos de importação e exportação de mercadorias e produtos estão acontecendo com maior segurança e agilidade na ACI – Área de Controle Integrado de Cargas no município de Dionísio......

Voltar para Blog (es)