Postado em 17 de Dezembro de 2015 às 17h07

Peso argentino tem desvalorização entre 30% e 45%

Buenos Aires - As casas de câmbio e bancos argentinos abriram nesta quinta-feira, no primeiro dia após o levantamento das restrições cambiais conhecidas como "cepo" ao dólar, com uma desvalorização do peso argentino de entre 30% e 45%.

As primeiras operações situam a cotação em relação à moeda americana, para a venda, em valores entre os 13 pesos por unidade e os 14, em relação aos 9,835 pesos por dólar com que fechou na quarta-feira o mercado cambial oficial.

Espera-se que ao longo do dia os valores oscilem em função da demanda.

A ponto de completar uma semana de gestão, o governo argentino retirou na quarta-feira as restrições cambiais, com o objetivo de "normalizar a economia" e recuperar a caminho de crescimento após quatro anos de estagnação.

Fonte: Exame

Veja também

IMPORTAÇÃO MILÃO03/07/14   Designer curitibana Sandra Kanayama produz em Milão peças minimalistas, marcadas pela modelagem impecável e qualidade dos tecidos. A estilista acaba de trazer de Milão para Curitiba a coleção inverno 2014 através da assessoria da empresa SCL Consultoria e Negócios Internacionais....
EUA se tornam principal destino de manufaturados, diz MDIC06/01/15 Brasília - O secretário de Comércio Exterior do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), Daniel Godinho, afirmou na tarde desta segunda-feira, 5, que os Estados Unidos se tornaram, no ano......
Negócios na 37ª Expointer chegam a R$ 1,6 bilhão04/09/14 A 37ª Expointer chega no seu sexto dia com R$ 1,6 bilhão em negócios, valor dividido entre maquinários, contratos, agricultura familiar, artesanato, leilões e remates. Nesta quinta-feira (04), o Sindicato das Indústrias......

Voltar para Blog (es)